Leituras Recomendadas


Sinopse:
Filho segundo, nascido em 1767, D. João assumiu o governo do reino em consequência da morte do irmão D. José (1788) e da demência da mãe.

Desposara já então a infanta de Espanha, D. Carlota Joaquina. Foi uma união que, para além dos filhos, lhe trouxe apenas frustrações e conflitos.

Governou numa época tumultuosa, marcada pela Revolução Francesa e pela guerra.

retirado de: http://www.circuloleitores.pt/catalogo/1018701/d-joao-vi


Sinopse:
O Rio de Janeiro transformou-se rapidamente na “Versailles tropical”, construiu-se uma ópera, um jardim botânico e o paço real, tudo isto com vegetação exuberante como pano de fundo.

Esta nova capital imperial era o maior porto de escravos das Américas, sendo este comércio a base da economia do país. No entanto, quando em 1888 a Princesa Regente, D. Isabel, aboliu a escravatura, não sabia que tinha acabado de dar o primeiro passo para a abolição da monarquia.

Este é um livro recheado de personagens reais e inéditas: a rainha D. Maria, louca e deprimida, D. João, obeso e indeciso, D. Carlota, que detestava o marido e o Brasil, e D. Pedro, mulherengo irreverente, que proclamou a independência do Brasil.

Patrick Wilcken é australiano, cresceu em Sidney, estudou antropologia e fez um mestrado no Institute of Latin American Studies, em Londres.

adaptado de: http://www.bertrand.pt/catalogo/detalhes_produto.php?id=59380


Sinopse:
D. Carlota Joaquina é, sem dúvida, uma das personagens mais controversas, marcantes e mitificadas da História Portuguesa de Oitocentos. Absolutista intransigente, esta filha dos reis espanhóis, Carlos IV e Maria Luísa de Parma, nunca se terá conformado com o seu tempo, nem com o papel de consorte de D. João VI.

Os acontecimentos dramáticos suscitados pela Revolução Francesa (1789) — como a retirada da Corte para o Brasil e o aprisionamento da Família Real Espanhola (1808) — deram, de uma forma inesperada, um protagonismo que não recusou na oposição à Revolução Liberal e na defesa dos direitos do filho D. Miguel (1826 -1828).

adaptado de: http://www.guardamor.com.pt/livro.php?id=1027


Sinopse:
João de Barros (1881-1960) é uma das figuras mais ilustres do mundo das letras, da pedagogia e da política do século XX, ainda que actualmente a sua obra esteja bastante esquecida.

Trata-se, pois, de um ensaio histórico literário, que embora muito bem escrito, está baseado na bibliografia oitocentista então disponível, sendo mais o fruto de um exercício de cidadania na defesa da ideias liberais cuja primeira experiência havia surgido em 1820 e que nos anos 30 do século XX estavam abafadas pela Ditadura.

adaptado de:http://www.leitura.gulbenkian.pt/index.php?area=rol&task=view&id=28519


Sinopse:
Em 1820 no Porto, eclode a chamada Revolução Liberal. Começava assim um período conturbado em que estarão em confronto duas concepções antagónicas no plano político, cultural e mental.
Em Portugal, liberais e absolutistas irão lutar no plano ideológico, mas também no plano militar num combate fratricida que terminará em 1834 com a vitória dos constitucionais.

Retirado de: http://www.wook.pt/ficha/as-guerras-liberais-1820-1834/a/id/200910

Casa Museu Manuel Teixeira Gomes

Na sequência da nossa visita ao Museu Municipal de Portimão e na impossibilidade de a visitarmos este ano, aqui fica um pequeno vídeo para que fiquem com uma ideia de como é a Casa Museu Manuel Teixeira Gomes. Espero que gostem.

O Dia Internacional da Mulher por uma centenária

Deixo-vos aqui um vídeo de uma senhora que nasceu no dia 05 de Outubro de 1910. Foi gravado no dia 08 de Março a propósito das mudanças no país e do dia internacional da mulher. Deveria estar legendado mas o essencial dá para perceber.

E porque amanhã é quinta :)


Shutter Island


1954, o pico da Guerra Fria, os agentes Teddy Daniels e Chuck Aule são convocados a "Shutter Island" para investigar o improvável desaparecimento de uma criminosa do impenetrável Ashecliffe Hospital. Rodeados por circunspectos psiquiatras e perigosos pacientes psicopatas, eles vêem-se envolvidos numa atmosfera misteriosa e volátil que sugere que nada é o que parece… Com um furacão a aproximar-se da ilha, a investigação progride rapidamente. No entanto, à medida que a tempestade aumenta de intensidade, as suspeitas e os mistérios multiplicam-se, cada um mais terrível e tenebroso que o anterior. Há indicações e rumores de conspirações sombrias, sórdidas experiências médicas, alas secretas, controlo mental e inclusive de algo sobrenatural. Movendo-se nas sombras do hospital, assombrado pelos terríveis actos dos seus instáveis habitantes e pelos desígnios desconhecidos dos igualmente suspeitos médicos, Teddy começa a sentir que, quanto mais fundo ele chega na investigação, mais perto está de se ver confrontado com alguns dos seus mais profundos e devastadores medos. E apercebe-se também que poderá não sair vivo daquela ilha...



in:http://cinema.sapo.pt/filme/shutter-island/detalhes#sinopse

John Locke



Explica porque razão dá John Locke tanta importância ao poder legislativo (fonte 69).

O Parlamentarismo Inglês



Indica de que forma é constituído o Parlamento inglês do século XVII. (fonte 68)

Etiquetas

Blogumulus by Roy Tanck and Amanda Fazani

Visitas

hit counter

Blogues do CIV

  • Bolo Super-pai! - Quando se tem o melhor pai do Mundo, nada melhor de que um bolo que demonstre esse sentimento!!! Parabéns para todos os super-pais do Mundo e deixo aqui m...
    Há 2 anos
  • Chaminé Algarvia - Cilíndricas, quadradas ou rectangulares, simples ou elaboradas, as chaminés algarvias são um símbolo da região e uma prova da influência de cinco século...
    Há 5 anos

Creative Commons

Arquivo do Blog